“A importância da Oração - Primeiro e ultimo recurso da vida cristã”


Amados leitores, desde que aceitei a responsabilidade de escrever neste blog, tenho compartilhado sobre vários temas, tipo: como “ser um jovem que faz diferença”; a necessidade de “ser iluminado”; qual “o remédio para um coração instável”; encorajando e declarando que, “a vida vencedora está dentro de você, creia!”; mostrando qual a “necessidade urgente do homem hoje” e enfatizando que “Deus ama a presença do homem”. Se pararmos para pensar e refletir sobre o que foi falado, pode-se notar que é necessário avançar, pois nossa vida cristã passa por estágios assim como uma criança para que haja um crescimento, amadurecimento e, para nós depois de maduros iremos Reinar com Cristo quando Ele retornar. Creio!!!

Hoje quero compartilhar com você sobre a importância de Orar. Na Bíblia existem vários exemplos e modelos de oração e de pessoas que oraram. A oração sempre foi utilizada como instrumento para o homem se achegar a Deus, ter intimidade com o Pai, confessar pecados, agradecer e, é um excelente caminho para se conhecer mais do Senhor, seu coração, sua vontade e ouvi-lo.

   “Então, orou Ana e disse: O meu coração se regozija no SENHOR, a minha força está exaltada no SENHOR” (1 Sm 2:1a )


Até mesmo para lermos ou estudarmos a palavra de Deus na Bíblia é necessário orar para Deus nos dá um espírito de sabedoria e revelação,
exatamente pelo fato de a palavra de Deus ser cheia de mistérios. (Efésios 1:16-17 - “não cesso de dar graças por vós, fazendo menção de vós nas minhas orações,  para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos conceda espírito de sabedoria e de revelação no pleno conhecimento dele”)

Em Filipenses 4:6-7 diz: “Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus”. Assim, quanto mais oramos, mais profunda se torna nossa oração. Por isso a oração é essencial para a vida espiritual do cristão.

No entanto, algumas pessoas pensam que orar se resume apenas em pedir coisas a Deus para suprir suas próprias necessidades ou para resolver seus problemas. E ai, você pergunta: “então, o que podemos falar na oração ou sobre que assuntos podemos falar com Deus?”.

Lembro-me de uma carta que uma jovem de 15 anos escreveu para o JAV – (Jornal Arvore da Vida), perguntando: “É pecado pedir ajuda a Deus quando temos problemas no coração, tipo: eu amo uma pessoa e não sou correspondida. Conversar com Deus sobre esse tipo de assunto e problema é pecado? A palavra é clara a esse respeito. “Filhinhos, vós sois de Deus e tendes vencido os falsos profetas, porque maior é aquele que está em vós do que aquele que está no mundo. E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós. Deus é amor, e aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus, nele” (1 Jo 4:8,16).

Deus é amor e não um velho de barbas brancas, sempre irado, sempre disposto a fulminar com um raio tão logo conte a primeira mentira. Desde que recebemos Jesus como nosso Senhor e Salvador, Deus tornou-se nosso Pai. Assim, o nosso relacionamento com Ele não deve ser de estranhos, mais de filhos, nos dando todo direito de se aproximar Dele a qualquer hora e falar-lhe sobre qualquer assunto. “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que crêem no seu nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus” (Jo 1:12-13).

Por isso, não importa como você ora, o que ora; o importante é que ore! A principio, Ana mãe de Samuel, foi orar apenas para que seu problema fosse resolvido, porem, à medida que orava, suas orações ia alcançando as profundezas de Deus, e esse era o motivo de se demorar em oração perante Deus (1 Sm 1:12).

Entretanto, não deixe que sua oração seja um “monólogo”, onde só você fala, pede, reclama, diz “amém” e vai embora. Isso não o ajudara a conhecer o coração de Deus. Ao orar, precisa aprender a ouvir, ouvir o que Deus tem a te dizer, ouvir a resposta de Deus à sua petição, ouvir Seu “sim”, Seu “não”, Seu “espere”, Seu “confie”. Não se consegue isso da primeira vez que tenta, mas é preciso praticar, e praticar até tornar-se sua experiência cotidiana. O fundamental é você abrir seu coração com sinceridade, disposto a receber a luz de Deus.

Nunca se esqueça, temos um Deus que conhece nossas fraquezas (Hb 4:15), que sabe que somos pó (Sl 103:14), que se apraz em ouvir-nos e em que lhe contemos nossos segredos. Ninguém melhor do que Deus para ouvir-nos.

Porem, não fique pensando em como orar, simplesmente ore, não se preocupando em como orar. Se perseverar orando, um dia irá orar exatamente a vontade de Deus! E ao orar, não é preciso fazer uma redação, com inicio, meio e fim. O importante é orar. O que não podemos é parar de orar, pois “somente os que oram conhecem de fato a vontade de Deus”.

Assim, ao fazer a oração, precisa ser sincero com Deus e dizer-lhe exatamente o que está em seu coração. Agora não pense ser possível enganá-lo, é perda de tempo esconder coisas de Deus, é tolice pensar que pode iludi-lo com palavras bonitas em sua oração. O que precisa fazer é orar, orar e orar, abrindo-lhe todo o seu ser confessando seus medos, suas duvidas, seus fracassos, seus desesperos, suas ilusões, sonhos, ansiedades, temores, incertezas e até mesmo certezas. Precisa orar contando ao nosso Amado pai, Deus, tudo o que esta oculto dentro de você. Se não sabe o que esta oculto, peça também a Deus que te mostre, ilumine. Se for sincero assim, o primeiro resultado será a paz de Deus enchendo seu coração e, então conhecerá mais a Deus e saberá como é bom viver na Sua luz. Além, disso dará a Ele, Deus, o caminho para iluminá-lo, corrigi-lo, consolá-lo e fortalecê-lo para cumprir Sua vontade. Ore com ousadia. Creia: “sua vida nunca mais será a mesma. Vamos começar agora?

Quero convidá-lo para fazer uma oração comigo utilizando o Salmo 25 como base. Essa oração me ajudou muito ontem e depois tive a oportunidade de ajudar outra pessoa. Leia o Salmos e à medida que orá-lo complemente com suas palavras. Desejo que ele te ajude a entender quão importante é orar, tão quão respirar. Isso é falar com Deus em todos os momentos e sobre qualquer assunto.

“Oh Senhor Jesus! Oh Senhor Jesus! Meu amado Senhor, a ti, SENHOR, elevo a minha alma. Deus meu, em ti confio (...) Faze-me, SENHOR, conhecer os teus caminhos, ensina-me as tuas veredas. Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação, em quem eu espero todo o dia. Lembra-te, SENHOR, das tuas misericórdias e das tuas bondades, que são desde a eternidade. Não te lembres dos meus pecados da mocidade, nem das minhas transgressões. Lembra-te de mim, segundo a tua misericórdia, por causa da tua bondade, ó SENHOR. Bom e reto é o SENHOR, por isso, aponta o caminho aos pecadores. Guia os humildes na justiça e ensina aos mansos o seu caminho. Todas as veredas do SENHOR são misericórdia e verdade para os que guardam a sua aliança e os seus testemunhos (...) Ao homem que teme ao SENHOR, ele o instruirá no caminho que deve escolher (...) A intimidade do SENHOR é para os que o temem, aos quais ele dará a conhecer a sua aliança (...) Alivia-me as tribulações do coração; tira-me das minhas angústias. Considera as minhas aflições e o meu sofrimento e perdoa todos os meus pecados. Guarda-me a alma e livra-me; não seja eu envergonhado, pois em ti me refugio. Preservem-me a sinceridade e a retidão, porque em ti espero”. Amém.

Celina Silva

Fonte de Leitura:
*Bíblia;
*Livros: “Atitude: um jovem vencedor e A oração de Ana” (Editora Arvore da Vida).


  

2 Comente:

kamila disse...

Amém... gosteei muito,e com certeza, vai ajudar tbm muita gentee ....

Sandro disse...

Tem outro recurso fundamental que também pode ser dito como o primeiro e último "recurso" cristão: O amor.

E sobre oração? Sugiro: http://www.youtube.com/watch?v=snmoje5x3VU

Postar um comentário