"Os dois aspectos do Evangelho Maravilhoso"



Amados leitores, hoje vamos compartilhar sobre Os dois aspectos do evangelho. Você já havia ouvido falar que existi tais aspectos do evangelho? Não? Pois fique ligado no texto abaixo, mas antes de ler, faça uma oração e peça ao Senhor um coração puro e simples para ouvir seu falar contido nas suas palavras e praticá-las. Bom desfrute!!!! 


            O evangelho de Deus é completo, maravilhoso, e tem 2 aspectos: O primeiro soluciona nossa necessidade de salvação. Esse é o evangelho da graça“Porém em nada considero a vida preciosa para mim mesmo, contanto que complete a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus para testemunhar o evangelho da graça de Deus. (Atos 20:24). Deus enviou Seu filho, Jesus Cristo, para realizar uma maravilhosa obra de salvação, trazendo o homem de volta a Si, que, após pecar, se afastou Dele e ficou condenado à morte - “porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor” (Romanos 6:23). Essa foi Sua obra na cruz. Nela, Jesus condenou o pecado, o mundo, o velho homem e Satanás, Seu inimigo! Jesus Cristo nasceu para morrer por nós! Ele morreu para nos salvar! Quanto amor! Assim Ele nos reconciliou com Deus! Aleluia!!!



            O outro aspecto é o evangelho do reino. Ele mostra a necessidade de Deus, que é trazer Seu reino à terra e fazer nela a Sua vontade – “venha o teu reino; faça-se a tua vontade, assim na terra como no céu “ (Mateus 6:10). Deus quer dar ao homem o governo do mundo que há de vir, conforme lemos em Hebreus 2:5-8:

Pois não foi a anjos que sujeitou o mundo que há de vir, sobre o qual estamos falando; antes, alguém, em certo lugar, deu pleno testemunho, dizendo: Que é o homem, que dele te lembres? Ou o filho do homem, que o visites? Fizeste-o, por um pouco, menor que os anjos, de glória e de honra o coroaste [e o constituíste sobre as obras das tuas mãos]. Todas as coisas sujeitaste debaixo dos seus pés. Ora, desde que lhe sujeitou todas as coisas, nada deixou fora do seu domínio. Agora, porém, ainda não vemos todas as coisas a ele sujeitas;”


No entanto, na condição em que o homem se encontra, não tem como reinar com Cristo, pois é cheio de imperfeições e ainda ofende muito a Deus e aos outros. O homem precisa amadurecer e ser aperfeiçoado. Para isso deve negar a si mesmo, arrepender-se diariamente do que faz e do que é. Desse modo se esvazia para que a natureza santa de Deus, Sua vida maravilhosa, ocupe lugar em sua alma. É dessa maneira que a salvação da alma ocorre – “obtendo o fim da vossa fé: a salvação da vossa alma” (1 Pedro 1:9).

Salvação da vossa alma, como assim?

Em Mateus 16:24 diz: “Então, disse Jesus a seus discípulos: Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me.  “negar-se a si mesmo” implica em abrir mão do ego, ou seja, da vida natural ou anímica. No versículo 25 o Senhor continua a falar: “Pois quem quiser salvar a sua vida, perdê-la-á; mas quem perder a sua vida da alma por Minha causa, achá-la-á. Quer dizer, quem quiser preservar o seu ego, que é parte da alma danificada pelo pecado, perdê-la-á, e quem perder o ego hoje (na era da igreja) por amor ao Senhor Jesus, achará a sua vida da alma! Pois, o problema na vida da alma é o ego. 


“Pois quem quiser salvar a sua vida perdê-la-á; quem perder a vida por minha causa, esse a salvará. (Lc 9:24)

“Quem quiser preservar a sua vida perdê-la-á; e quem a perder de fato a salvará.” (Lc 17:33)

“Quem ama a sua vida perde-a; mas aquele que odeia a sua vida neste mundo preservá-la-á para a vida eterna.” (Jo 12:25)

Contudo, o Senhor Jesus não quer destruir a alma do homem, mas salvá-la: “Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a ruína, mas dos que têm fé para ganhar a alma”. A tradução para “ganhar a alma” também admite “preservação da alma”, que é uma recompensa para os que se submeteram ao trabalhar da cruz de Cristo que resulta em perder o ego, por receber mais da pessoa de Cristo: “obtendo o fim da vossa fé: a salvação da vossa alma” (1 Pe 1:9).
 
Porque eu, mediante a própria lei, morri para a lei, a fim de viver para Deus. Estou crucificado com Cristo; logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim. “ (Gl 2:19-20). 

            A Bíblia nos mostra que o Senhor é rico para com todos os que O invocam (chamam, Imploram; evocam, Recorrem)“Pois não há distinção entre judeu e grego, uma vez que o mesmo é o Senhor de todos, rico para com todos os que o invocam” (Romanos 10:12).
 
O Senhor deu-nos uma ordem direta quanto ao invocar Seu nome: “Invoca-me, e te responderei; anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas, que não sabes” (Jeremias 33:3), e todo o que O invoca é salvo – “Porque: Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo” (Romanos 10:13). Ele quer nos salvar completamente em nosso espírito, alma e corpo – “O mesmo Deus da paz vos santifique em tudo; e o vosso espírito, alma e corpo sejam conservados íntegros e irrepreensíveis na vinda de nosso Senhor Jesus Cristo” (1 Tessalonicenses 5:23).

“Assim, pois, amados meus, como sempre obedecestes, não só na minha presença, porém, muito mais agora, na minha ausência, desenvolvei a vossa salvação com temor e tremor” (Filipenses 2:12).

            A palavra de Deus também nos diz para arrependermos-nos, porque o reino dos céus esta próximo – “Daí por diante, passou Jesus a pregar e a dizer: Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus” (Mateus 4:17). O Senhor Jesus disse que vem sem demora. Devemos conservar o que temos, para que ninguém tome nossa coroa, ou seja, o premio de reinar com Ele por mil anos e pela eternidade (Apocalipse 5:9-10; 11:15,18; 20:4, 6; 22:5-7). Além disso, Ele também disse que nos livrara da provação que há de vir sobre toda terra para experimentar os que habitam nela.

Porque guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para experimentar os que habitam sobre a terra. Venho sem demora. Conserva o que tens, para que ninguém tome a tua coroa” (apocalipse 3:10-11).

            Portanto, quando o evangelho do reino for pregado a toda a terra habitada, virá o fim.“E será pregado este evangelho do Reino por todo o mundo” (Mateus 24:14).
 
Que o Senhor Jesus tenha misericórdia de nós e nos dê um coração amolecido para Ele, que ama Sua vinda e se prepara para ela. 

“Já agora a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, reto juiz, me dará naquele Dia; e não somente a mim, mas também a todos quantos amam a sua vinda”. (2 Timóteo 4:8)

Celina Silva

Texto Extraido do Jornal Arvore da Vida , Nº 243.

 

0 Comente:

Postar um comentário